Blog

CPqD desenvolve novo projeto em parceria com a Solvian

arte 01

Machine learning será utilizado para detectar anomalias e prever falhas em máquinas

Esse é o foco de novo projeto que a Unidade EMBRAPII CPqD está desenvolvendo em parceria com a Solvian

Utilizar o conceito de Internet das Coisas (IoT) e algoritmos de machine learning para dar mais eficiência – e inteligência – às operações de gestão de facilities e de manutenção de máquinas em geral. Esse é o principal objetivo do novo projeto que a Unidade EMBRAPII CPqD está desenvolvendo com a Solvian, empresa que atua nessa área, especialmente em operações complexas e de missão crítica, em diversos segmentos.

O projeto, que começou em setembro e tem duração prevista de três meses, tem como foco o desenvolvimento de modelos de machine learning para a detecção de anomalias e a predição de falhas em máquinas. “Com os dados coletados por sensores e o uso de recursos de Inteligência Artificial, será possível entender o comportamento das máquinas e criar modelos determinando a probabilidade de falhas”, explica Benedito Fayan, diretor da Solvian.

Segundo Norberto Ferreira, gerente do CPqD, a inclusão de algoritmos baseados em machine learning permitirá processar dados de diversos sensores instalados nos equipamentos – como compressores de ar condicionado e máquinas industriais, por exemplo – e gerar alertas preditivos e insigths operacionais, com estimativa do tempo até a ocorrência de uma falha. “Com isso, será possível realizar a manutenção preditiva dos equipamentos, que resulta em maior eficiência operacional, redução do número de visitas de técnicos e ganhos para o negócio”, acrescenta Fayan.

Sobre a Solvian:

A Solvian (www.solvian.com) é uma empresa inovadora, de alta tecnologia, cuja missão é conectar operações de campo para aumento da eficiência operacional, gerando análise e insights operacionais em tempo real.

 

Nenhum comentário

Postar comentário

2 × 2 =